Logo Warface

Escolhendo os melhores periféricos para o seu FPS – PT 2

28/12/2017 - Blog

171228 wf topo ArtigoFone.jpg

Na hora de decidir por um fone novo para jogos FPS, as pessoas geralmente costumam fazer as perguntas erradas sobre o produto em que estão de olho. É muito comum elas buscarem saber se o fone isola bem, se tem muitos graves, se o volume é alto... E o pior questionamento quando se trata desse assunto é: se o fone é 7.1. 

Se você leu a primeira parte do nosso guia sobre como escolher o mouse ideal, por aqui também encontraremos situações parecidas. 

Tratando-se de fones para FPS, devemos ter o mesmo cuidado com as remarcações de produtos chineses que citamos anteriormente, mas também temos um alerta muito importante sobre os famosos fones 7.1: a promessa de um nível de precisão bastante elevado. Bem, esse sistema não funciona em fones de ouvido — mas não se apavorem, explicaremos o porquê.

Créditos: Razer - https://www2.razerzone.com/

 

A ideia por trás do sistema de 7.1 canais, em caixas de som, consiste em posicionar uma caixa central à frente do ouvinte, duas caixas frontais laterais, duas caixas laterais (uma à esquerda e outra à direita do ouvinte) e mais duas caixas traseiras, além do subwoofer.

Créditos: Argos - https://www.argos.co.uk/

 

Sendo assim, já podemos constatar que é fisicamente impossível reproduzir com precisão esse sistema em um fone, dado que ficam posicionados ao lado do ouvido. Além disso, nesse sistema é preciso que haja uma distância considerável entre os pontos de origem do som e o ouvinte, para que a noção de espaço funcione. Ou seja, mesmo em um fone 7.1, esse sistema não passa de uma emulação – que é algo totalmente diferente da experiência real. 

 

Mas, então, como ter precisão para saber onde estão os meus inimigos?

Fones de ouvido têm uma característica chamada palco sonoro, que consiste em identificar e tentar reproduzir de maneira natural o ponto de origem de cada som segundo a maneira com que eles foram gravados. É essa característica que permite que você identifique o posicionamento do inimigo em um jogo de FPS – ou de onde estão vindo os tiros, por exemplo.

Créditos: Meier Audio - https://www.meier-audio.homepage.t-online.de/

 

Para entender melhor, primeiro precisamos entender que existem os fones do tipo fechado e do tipo aberto. Na vibração do alto-falante, o movimento é feito tanto para frente quanto para trás, e é gerado som em ambas as direções... 

Em um fone fechado, esse som que é gerado quando o falante vibra para trás não "vaza", fazendo com que o som fique um pouco abafado e, consequentemente, com que esse tipo de fone tenha um isolamento maior em relação aos ruídos externos. Além disso, por essa característica, fones desse tipo tendem a ter graves com presença e impacto maiores. Embora agradem a maioria, esses detalhes não são muito interessantes para jogos shooters, já que eles consistem mais em frequências médias e agudas. O efeito "boom" dos graves serve apenas para deixar as explosões e tiros mais divertidos. 

Praticamente todos os fones do segmento gamer têm design fechado

Créditos: Wire Realm - https://www.wirerealm.com/

 

Os melhores fones para esse tipo de jogo são os com design aberto. Isso porque, em um fone desse tipo, quando o falante vibra, o som gerado no movimento para trás escapa, fazendo com que existam menos distorções e, consequentemente, com que o som seja mais limpo e o palco sonoro mais amplo. O ponto negativo é que, em fones abertos (ou semiabertos), o isolamento acústico é quase nulo, de modo que quem está perto de você vai ouvir o que você estiver escutando e você vai ouvir o que estiverem falando perto de você. Por isso, o mais indicado é que fones abertos sejam utilizados em ambientes mais silenciosos; assim, você consegue tirar proveito do que ele tem a oferecer. 

 

Mas e o microfone?

Caso você esteja se perguntando sobre o fato de esses fones não terem microfone, este é um problema bem simples de se resolver. Por mais que, inicialmente, não pareça algo muito prático, uma combinação de headphone com um microfone de lapela geralmente entrega um resultado melhor do que o encontrado em headsets. Além disso, existem opções bastante interessantes (e baratas), como o Zalman ZM Mic1: em questão de praticidade, ele permite que você tenha uma experiência que não difere nem um pouco da que teria com um headset .

Veja abaixo esta bela combinação de um Superlux HD668B com o Zalman ZM Mic1, na imagem do usuário tPoonLickens, do fórum LevelOneTechs. 

Não podemos também deixar de mencionar a belíssima combinação do Philips SHP9500 com o V-Moda Boompro.

 

Preço

Assim como com os mouses, também não é necessário desembolsar rios de dinheiro para ter um fone de boa qualidade. O Superlux HD681, por exemplo, é um fone que fez sua fama ao longo dos anos por custar muito pouco e ser melhor do que a maioria dos headsets gamers que custam cerca de R$500,00. Ou seja, é possível ter uma qualidade excepcional e praticidade até mesmo por um valor relativamente baixo.

Ranking
-->