Logo Warface

Resumo do Dia 3 do Mundial de Warface

04/02/2018 - eSports

180131 wf topo oc.jpg

A favorita AG fez jus à sua torcida e foi consagrada grande campeã Mundial de Warface, mas não antes de passar por uma MD5 contra a ArenaStars, que seguiu bastante disputada até a última partida.

YoungStars 1 vs. 2 ArenaStars

O dia começou com a YoungStars, time vencedor da chave dos vencedores do Grupo A, contra a ArenaStars, clã mais tradicional do competitivo de Warface, que caiu para a repescagem no Grupo B, mas conseguiu conquistar a vaga nas semifinais.

O primeiro jogo dessa MD3, no mapa Destination, foi extremamente balanceado até os dois times empatarem no 5 a 5. A partir daí, a ArenaStars foi aquecendo  e pontuando até ganhar a partida, sem deixar a Young fazer mais nada. MagistrYoda estava extremamente bem posicionado, criando oportunidades de lurk para o seu time. Vitória da Arena.

No segundo mapa, District, a vitória foi para a YoungStars, rebatendo o 11 a 5 do primeiro jogo. Uma diferença gigantesca no posicionamento dos times. A Young abriu vantagem de 4 a 1 no começo do jogo, que só foi aumentando.

O terceiro e último jogo aconteceu no mapa Bridges 2.0, onde o trabalho do sniper MagistrYoda foi valorizado, chegando a fazer 4 eliminações em um dos rounds finais. Vitória da ArenaStars por 11 a 9, após uma polêmica: depois de finalizado o jogo, o último ponto teve um remake - o Médico da Young rushou casa baixa e estava prestes a eliminar o Médico e o Fuzileiro do time inimigo, só que ele sofreu um teleporte e morreu varado. Mas de qualquer forma, o resultado foi o mesmo.

 

AG 2 vs. 0 Sluper

Ao contrário da primeira semifinal, essa foi bem mais rápida e com menos disputa.

A AG começou abrindo o placar com a vitória no Palace, por 11 a 3. Shaolin, Engenheiro da AG, eliminava pelo menos 3 inimigos a cada round, com seu Engenheiro e Médico curando e dando escudo conforme ele lutava.

O segundo jogo foi mais disputado, com a Sluper conseguindo chegar aos 7 a 11. Até seu sétimo ponto, a trocação foi de um round pra cada lado. Mas abrindo vantagem no 8º, a AG fechou com facilidade, preenchendo sua vaga para a final.

 

Final

AG 3 vs. 2 ArenaStars

O embate clássico entre os dois mais fortes times russos — também os mais fortes do mundo — foi simplesmente o mais disputado de todo o campeonato, levando a MD5 da final até o último jogo.

A ArenaStars começou surpreendendo a todos, vencendo de 11 a 9 a AG, no Bridges 2.0. Nesse mapa, que dá vantagem ao trabalho dos Snipers, o CaptainPanic, da AG, conseguiu segurar de frente o bom desempenho do Yoda.

Mais disputado, o segundo mapa (District) foi empate da AG, com volta do placar de 11 a 9 também. Arena começou defendendo bem, segurou as pontas até onde pôde, mas a técnica da AG falou mais alto.

Factory, o mapa da terceira partida, talvez tenha sido o mais disputado da rodada. Ambos os times marcavam um ponto atrás do outro — o placar não desempatava nunca. Até chegar no 6º ponto, onde a AG apagou e não pontuou mais. Por 11 a 6, a Arena fez 2 a 1.

Quarta partida, o mapa escolhido foi o D-17. Como aconteceu em todo o campeonato, as composições dos times foram alteradas para acomodar 2 Médicos de cada lado. A pressão era grande, e a AG chegou a pedir uma pausa técnica para repensar em sua estratégia, que até então, não estava dando certo. Com a cabeça fria, voltaram bem pro jogo e, por apertados 11 a 9, empataram a série em 2 a 2.

Chegamos ao quinto jogo, decisivo, valendo não só a rodada, como o título de Campeão Mundial. O mapa escolhido foi Destination. A pressão estava alta, mas a mão do CaptainPanic não tremeu: ele marcou todo mundo e fez pescadas lindas. Com 11 a 6, a favorita AG venceu a rodada.

A russa AG, então, foi coroada a grande campeã Mundial de Warface, deixando a ArenaStars — time com vários títulos em sua carreira — em segundo lugar.

YoungStars e Slupers terminam nos 3º e 4º lugares; uma surpresa, principalmente a Slupers, que veio da repescagem e passou por vários times fortes.

Com essa final presencial do Open Cup XII, esta temporada do competitivo chega ao fim. O ano de 2018 promete ser promissor para o jogo, e o Brasil com certeza está nos planos da Crytek.

  

 CONFIRA TODAS AS JOGADAS 

YouTube

 

Equipe Level Up

Ranking
-->